Um mundo completamente novo se descortinava diante de mim, um mundo sem energia elétrica, sem shoppings, sem escolas, e sem tudo o que eu, até aquele momento, conhecia e amava, o mundo que se apresentava era exótico e cheio de mistérios. Eu sabia que a minha fé passaria por severos testes, várias decepções e tristezas estavam à minha espera. Contudo, mais do que qualquer coisa, aquele fogo inflamava meu coração. Não podia conceber outra saída, o chamado estava lá, persistindo firme e forte, atraindo-me mais que tudo.

Aquele rio estreito e sinuoso parecia desafiar-me em cada curva, eu tive impressão que podia ouvir uma voz que falava das profundezas do mistério, bem dentro do meu coração:

Você não está preparada para conhecer e tão pouco para mudar qualquer coisa neste lugar. Você está só e a única certeza que você pode ter é que suas chances de falhar são imensamente superiores a sua chance de conseguir algum tipo de vitória.

Essa luta interna é velha conhecida dos missionários, eu a enfrentei inúmeras vezes, e elas acontecem para que nunca possamos esquecer que não somos auto-suficientes, que não existe em nós nenhuma qualidade humana que possa nos dar algum tipo de garantia, nenhum talento que nos garanta que vamos vencer, nós precisamos depender totalmente, a cada segundo, da Graça do nosso Senhor Jesus Cristo. Todas as vezes que esqueci disso e confiei em mim mesma, amarguei terríveis derrotas. 

A natureza era exuberante e havia muitos rastros de animais selvagens. Podia ver pequenas barracas de madeira cobertas de palha, abandonadas, espalhadas pela margem do rio.

Eu sentia medo, mas buscava dentro de mim a certeza de que não estava sozinha, que Deus estava no comando, que o Seu Senhorio era absoluto e que nada, absolutamente nada, aconteceria fora de Sua soberana vontade. Foi assim que o meu coração finalmente pôde encontrar paz e preparar o caminho para que a fé que faz a diferença, despertasse em mim. “A fé verdadeira que não põe diante de si uma outra possibilidade para o caso de Deus não operar. A fé é a certeza que Ele pode fazer e que Ele vai fazer” (Hebreus 11.1).

Pakau, a chamada , o preço e a recompensa, Pg 9, (CPAD).

Compartilhar nas Redes Sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *