Fui despertada para a obra missionária ainda criança, através da história do menino Samuelito, durante uma EBF. Alguns anos depois, aos quinze anos, prostrei-me diante do altar do Senhor, oferecendo-me para o serviço missionário entre os povos indígenas após ouvir uma ministração em um culto de missões. Me preparei dos 15 aos 19 anos para executar esse chamado e aos 19 anos parti para minha primeira missão em tempo integral. Quero deixar bem claro, que para mim, todas as portas estavam abertas, mas eu só via uma possibilidade : gastar minha vida a serviço do Senhor!

Compartilhar nas Redes Sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *